A Garganta da Serpente

Quelyno Souza

  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

DE PONTA A CABEÇA

Por favor, por aqui...
Não mais apareça
Você virou minha vida
De ponta a cabeça
Vou morar num lugar
Que você não conheça

Não quero mais te encontrar
Do nosso caso esqueça
Você embaraçou meu sentimento
Como um quebra-cabeça
Saia daqui...
E de minha vida desapareça


(Quelyno Souza)


voltar última atualização: 05/02/2008
12020 visitas desde 16/09/2007

Poemas deste autor:

Copyright © 1999-2020 - A Garganta da Serpente