A Garganta da Serpente

A.C. Santiago

  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

Você

Que tu fizeste?
Não és minha
Não sou teu
Mas, o que fizeste?
Por que tanto me dói?
Tu não és minha
E já não foste de alguém
Um outro que não era eu
Deverias não ter sido
Mas, só minha.
Ninguém é de ninguém
Mas que não seja minha
Ao meu lado e apenas ao meu lado


(A.C. Santiago)


voltar última atualização: 17/03/2006
13707 visitas desde 17/03/2006
Copyright © 1999-2020 - A Garganta da Serpente