A Garganta da Serpente
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

Ela queria ser piranha!

(Lathea)

- Irmã; você não é piranha, você é maluca. Pra ser piranha, não pode ter querer, tem que sair com qualquer jagunço, aturar suas manias interioranas e seu pouco conhecimento sobre algumas obras de arte. Você suportaria isso?

- eu sou piranha e dou geral, pinto a boca de batom vermelho, passo lápis em volta dos olhos e uso decote nos seios.

- Irmã você não é piranha, você é maluca.

- sou piranha.

- não é, é maluca. Para ser piranha não precisa dizer que é. Só uma maluca diz que é piranha!

- não sou maluca sou piranha.

Assim ficamos a noite toda, nessa discussão filosófica, conceituando qual a diferença entre maluca e piranha.

- Irmã; para ser piranha você tem que botar um shortinho curto, mesmo que esteja nevando nesse dia. Dos seios eu não falei, porque de seios ela excede um pouquinho. Piranha nunca rejeita uma companhia masculina, mesmo que o sujeito seja o mais ridículo da humanidade. Elas sempre arrumam um jeito de tolerar esses casos. É coisa de quem fez algum curso de autoajuda. Incrível a paciência que essas moças exercem, com certos tipos de trogloditas. A versatilidade e a disciplina que elas constroem em certos tipos de relação, e realmente uma arte.

- eu sou piranha, e sou versátil.

- você não é versátil. Você bate o telefone na cara dos rapazes, faz barraco em bares. Apresenta sérias crises de ciúmes. E além do mais, seu humor é muito volúvel. Você é capaz de acabar com um relacionamento em pleno ato sexual. Desmanchar um namoro em plena a Avenida Central.

- eu sou piranha.

- a piranha nunca acaba um relacionamento quando o homem esta ereto, isso só o corre, no momento em que ele esteja flácido. A piranha sempre está molhadinha, e nunca é volúvel nessa hora. Pelo menos, as que eu conheço.

- eu sou piranha.

- Irmã; piranha sempre anda com um homem a tira colo. Você não faz questão de andar com homens, mas esta sempre a procura do seu tipo. Piranha não quer saber de tipo, ela anda com homem, e não interessa quem.

Você está farta dos caras fáceis, não tolera atrasos, não quer um cara legal, do tipo que pede pra namorar. Você gosta de quem você cisma, e isso é coisa de maluca. Quando na alta madrugada você faz promessas em que jamais acreditou.

- eu sou piranha.

- piranha que eu conheço; já namorou algum caixa do Itaú, atendente da operadora cláro, gerente de vendas, representante de laboratório de remédios. E você só namorou cabeludo. Você nunca vai sair com um cara estrábico, ou que tenha bronquite. E tem mais, “piranha não dá no mar, só na água doce se encontra, ta ouvindo piranha”. Salve Bizerra da Silva!

- eu sou piranha.

É muito difícil convencer umas malucas ou malucas em geral, de sua condição mental diante do mundo. Falei de motivos porque ela não se encaixaria nesse perfil. Falei de todo meu conhecimento a respeito de piranhas. Piranha ainda não é prostituta, piranha é uma coisa que é intermediaria entre dadivosa e prostituta. Embora a piranha tenha grandes atributos para vir a ser prostituta, mas falta algo. Eu diria; cobrar, ou sair só se pagar etc. tem muitas mulheres que variam de paus e de parceiros e não são prostitutas, só gostam de sexo. As piranhas geralmente acabam sempre com sujeitos obscuros, ou se anulam por causa disso. A piranha quer sempre um relacionamento, por mais decadente que ele seja. Coisa de piranha. Elas sempre vão ter um cara, mesmo que no inferno, elas não concebem uma vida livre, a piranha não é livre, uma hora ela vai abdicar de tudo para viver um inferno qualquer. Já a maluca, não é bem assim, ela quer um romance, no seu apartamento, onde mora sozinha e paga suas contas, tem seu carro, não precisa de homem para nada. Sua cama só suporta o peso de duas pessoas aos finais de semana. Não querem homem andando atrás delas, só uma vida boa, compatível com suas crenças.

- eu sou piranha.



Eu desisto. Caso, você piranhar. Não abra mão de ter; um quarto teu, um cara teu, armário que é teu, uma vida que é sua. Vê se consegue ser uma piranha bacana. Porque as que eu conheço...

  • 4490 visitas desde 7/06/2010
menu
Lista dos 2201 contos em ordem alfabética por:
Prenome do autor:
Título do conto:

Últimos contos inseridos:
Copyright © 1999-2020 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com.br